O Dono da Verdade

Nesta semana estaremos abrindo um tema muito oportuno para todos:
Você se considera dono da verdade?
Conheço um rapaz que, aqui no blog, vou chamá-lo de “M”.
“M” frequentou vários de meus cursos presenciais, mas tinha uma característica extremamente irritante para os outros que estavam presente: sempre que suas ideias eram contestadas, não parava de falar enquanto não estivesse absolutamente convencido de que a outra parte compreendera o seu ponto de vista.
Numa dada ocasião eu chamei “M” para uma conversa em particular e lhe disse: “Tenho uma tarefa para você. De agora até o final deste curso (era um domingo de manhã) você não vai mais abrir a sua boca para contestar absolutamente nada. Se alguém disser algo que você não concorda, isto é um problema seu, não da pessoa. Ela não precisa aturar os seus discursos intermináveis. E se alguém discordar de algo que você diz, isto é um problema da pessoa, não seu. Então, cale-se de uma vez por todas e pare de ficar dando réplicas para os seus argumentos”.
O curso, enfim, foi correndo normalmente. Terminamos por volta de umas 5 da tarde. “M” estava diferente. Estava mais quieto, mais introvertido.
Na despedida, ele me disse: “Chris, hoje foi um dos dias mais difíceis da minha vida. Nunca tinha prestado atenção nesta necessidade doentia que tenho de convencer as pessoas do meu ponto de vista. Muito obrigado por me alertar”.
Pessoas como “M” são comuns em nosso dia-a-dia. Elas estão em todos os cantos: fanáticos religiosos, militantes políticos, torcedores de futebol, intelectuais idealistas… Você conhece alguém assim?
Sinceramente, não acho que você deva desistir da SUA VERDADE. Você tem o direito de acreditar naquilo que bem entender. Mas deve saber que os outros, necessariamente, não vão seguir a sua cartilha.
Quanto mais inseguro você for, maior será a necessidade de levantar bandeiras e convencer o mundo inteiro de que aquilo que você está dizendo é a coisa certa. No fundo, nem você mesmo acredita em suas próprias palavras. Por esta razão, precisa se certificar de que os outros estão acreditando. A lógica é simples: Se concordarem contigo, talvez aquilo que você está dizendo não seja tão idiota como, lá no fundo, você bem sabe que é.
Se quer se livrar de todas estas porcarias psicológicas, a partir de hoje eu sugiro que você mentalize assim:
“Não preciso abrir mão das coisas que acredito. Mas, desisto da necessidade de provar aos outros que eu estou certo. Cada pessoa é única e cada olhar sobre o mundo é uma forma diferente de ver as coisas.”
Acredite: isto o tornará mais humano, mais saudável e, obviamente, mais feliz. Por uma razão muito simples: Você estará mais leve, menos ansioso. O “Dono da Verdade” está sempre em conflito. Desistindo deste papel boboca você estará com mais bom humor frente aos que convivem contigo, ainda que eles pensem diferente de ti.
Que tal tentar?
Sucesso e Felicidade Para Você!


7 respostas para “O Dono da Verdade”

  1. Josefa Dantas disse:

    Olá Chris,
    O melhor mesmo é calar,pois não existe nada mais desagradável que ouvir
    alguém tentando convencer o outro das suas verdades(idéias). Se o que você
    está dizendo é bom, claro que todos que ouvem vão dar atenção e credibilidade
    e até mesmo colocar em prática o que ouviram.Todos nós temos nossas próprias
    verdades.Devemos ter humildade para ouvir, tirar nossas próprias conclusões.
    A boa política é ouvir mais e falar menos pois estamos todos em constante apredizado
    Um abraço e muito sucesso

  2. Edi Kalsing disse:

    Olá Chris!!!
    Identifiquei-me com esse texto em genero, número e grau.
    Vivi por muuitos anos nessa "prisão". Comparo com uma prisão, pois no momento que parei com a mania de querer convencer os outros da "minha verdade" eu me tornei uma pessoa LIVRE.
    Livre para falar,
    livre para ouvir,
    livre para entender o ponto de vista do outro sem precisar fazer um esforço tremendo com explicações bestas, enfim,
    livre para VIVER!!
    Isso sem falar na "guerra de neurônios" que eu travava em meu diálogo interno. Nossa, quanta energia desperdicei que poderia ter usado para evoluir mais rapidamente. Mas estou feliz por ter despertado desse pesadelo…
    Grande abraço!!!

  3. Caro amigo isto e uma pura realidade do mundo que vivemos no dia dia desta vida infernal ,cheia de corrupção ,falsos profetas ,cheio de aproveitadores dos menos e médios informados deste mundo globalizado , na maioria os políticos mentirosos e ganancioso pelo cargo e pelo dinheiro , que não cumpre nada do que falam que irão fazer do que prometem nas campanha eleitorais , justiça só para os coitados que na maioria das vezes não tem culpa algumas , Mas os mais culpados somos nós que só sabemos ir na fila p/votar e não sabemos cobrar os nossos direitos, porque na maioria somos culpados .??

  4. Rodrigo Diego de Sou disse:

    Bom dia Sr. Chris Allmeida, me chamo Rodrigo, considero muito importante o trabalho do sr.
    Aproveitando aqui o espaço, digo que o ano passado (2011), pesquisei sobre a síndrome do pânico, encontrei também, o Sr. o psicólogo da Bahia Benedito Bras Megale.
    Que mudei minha forma de pensar, quanto a gerar expectativas alheias e fazer tudo para agradar, me auto reprimir, que significaria a crise de pânico. Mudei minha vida para a melhor, estou pronto novamente para estudar (sou formado em direito), e trabalhar, apenas colocando as coisas em ordem. Muito obrigado. Deus me abençoou, agora tudo na minha vida está novamente começando a dar certo.
    Passei a dar valor no trabalho (psicologia/psicoterapeuta). Pois tudo o que vejo aqui é muito bom.
    Tudo de bom.
    Rodrigo.

  5. Sim Rodrigo, muitas vezes é preciso ter a humildade (e a coragem) de buscar ajuda. Parabéns pela sua evolução neste caminho. Grande abraço.

  6. Isabel disse:

    Olá Sr.Chis Almeida, confesso que fiquei mais aliviada com o seu texto.
    Há muito tempo venho lutando contra isso "ser dona da verdade", nunca compreendi muito bem porque ao mesmo tempo que afirmo as coisas sempre me questiono se aquilo é realmente o que estou afirmando, um sentimento paradoxal que me mata por dentro.
    Enfim, percebi com as suas palavras que na verdade eu não gosto de debater, eu gosto de mostrar a minha verdade, que eu sei não tenho certeza que é verídica.
    Anotei o que você sugeriu mentalizar, pois é acho que é isso que preciso.
    Preciso sentir o que o "M" sentiu, pois quero ser livre como Edi.
    Isabel

  7. Clarice Tarrago disse:

    DONO DA VERDADE
    BOM,POR VÁRIAS RAZÕES,E PRINCIPALMENTE POR A MINHA,ME VEJO OBRIGADO A EXPRESSAR MINHA OPINIÃO SOBRE A EXPRESSÃO DONO DA VERDADE.
    EM MINHA CAMINHADA ,MUITAS VÊZES FUI CHAMADA DE DONA DA VERDADE,ALIÁS XINGADA DESSA FORMA.ACREDITO QUE DESDE QUE ME CONHEÇO POR GENTE,DEFENDI FORTEMENTE O QUE EU SENTIA.COM O DECORRER DO TEMPO E A DITA BUSCA ESPIRITUAL,ESSA MINHA FORMA DE SER TOMOU MAIS FORÇA,POIS PELO QUE ENTENDI,O MAIOR MESTRE ESTÁ DENTRO DE NÓS,ACUSADO POR MUITOS,DE EGO.NESSA GUERRA DE INFORMAÇÕES,ME DEI CONTA QUE NÃO EXISTE ELABORAÇÃO,OU DIRÍAMOS,DEGUSTAÇÃO EM RELAÇÃO AS INFORMAÇÕES QUE RECEBEMOS DE FORA…..SIMPLESMENTE ENGOLEM.ISSO ME LEMBRA MUITO O ATO DE ENGOLIR A HÓSTIA COMO CORPO DE CRISTO.
    BOM….MUITO OUVI,QUE EXISTE UM MUNDO SUPERIOR,ONDE TODAS AS IDÉIAS NAVEGAM LIVREMENTE,SEM NENHUM SENSOR DE USO EM RELAÇÃO A QUEM VAI MATERIALIZÁ-LAS OU CANALIZÁ-LAS NESSE PLANO TRIDIMENSIONAL.ESSA IDÉIA,SEMPRE ECUOU NOS MEIOS ,DIRÍAMOS ESPIRITUALIZADOS,ATRAVÉS DE PESSOAS QUE SE DIZEM ESPIRITUALIZADAS.
    HOJE,MEU CORPO VIBROU MUITO FORTE,QUANDO A GOTA D’AGUA,DE UM ASSUNTO REFERENTE A DIREITOS AUTORAIS RESERVADOS,BATEU EM MINHA PORTA.NÃO PUDE SEPARAR ISSO DO FATO DA COBRANÇA DE INDULGÊNCIAS POR PARTE DA IGREJA.PARA QUEM NÃO SABE,INDULGÊNCIA,ERA O PERDÃO DIVINO E PASSAPORTE PARA ENTRAR NO PARAISO,VENDIDO POR ALGUMAS IGREJAS.COM CERTEZA ELAS NÃO SÃO ACUSADAS DE DONAS DA VERDADE.
    SERÁ QUE O ATO DE PENSAR E DISCERNIR NOS TORNA RÉUS NOMEADOS DE DONOS DA VERDADE?
    SERÁ QUE A BUSCA DA INDIVIDUALIDADE,SAINDO DO BRETE,É UMA FACA DE DOIS LEGUMES?
    SERÁ QUE SE INDIVIDUALIZAR (PENSAR POR SI PRÓPRIO) É UM CRIME?
    SERÁ QUE VIVERMOS COMO ALMA GRUPO É A GRANDE VERDADE?
    SERÁ QUE APENAS EU ACREDITO QUE TODA A MATERIALIZAÇÃO DE UMA IDÉIA TENHA QUE TER DIREITO LIVRE DE ACESSO E USO?
    SERÁ QUE,SE APALAVRA AMOR FOSSE REGISTRADA POR ALGUÉM,E COBRADO DIREITOS AUTORAIS,SERIA MAIS VALORIZADA?
    BOM…………
    CLARICE TARRAGO ROSA-
    PSEUDÔNIMO…DONA DA VERDADE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *